Assistência

À Distância

24 Horas

Disponíveis

10 Conselhos importantes para evitar burlas online

O pior das fraudes atuais é que podem ser planeadas a partir de qualquer local do mundo. Também aumentou o número de fraudes devido à expansão de novas técnicas e de novas ferramentas de ciberataque que as novas tecnologias trouxeram.

Hoje em dia, a maioria das pessoas prefere utilizar o homebanking em vez de se dirigir ao balcão do seu banco. Com apenas alguns cliques do rato, as transações financeiras podem ser feitas rapidamente e sem grande esforço.

No entanto, esta mudança de comportamento revelou uma maior suscetibilidade à fraude e aos ataques de hacking, o que pode muitas vezes resultar no comprometimento dos seus dados financeiros mais privados.

Além disso, os nossos hábitos de navegação pela Internet põem-nos frequentemente em risco de fraude e esquemas online. Isso, pode comprometer a utilização do nosso serviço de homebanking, transações financeiras, e os nossos dados financeiros porque ficamos sem dúvida mais vulneráveis aos ataques de hackers.

Infelizmente, milhões de consumidores são vítimas de crimes informáticos todos os anos. Segundo o Centro de Reclamações sobre Crimes na Internet do FBI, em 2015 as perdas dos consumidores resultantes de fraudes online excederam mil milhões de dólares. Por isso criamos este artigo com as principais recomendações que deve seguir para prevenir a fraude online mantendo a sua segurança enquanto navega na Internet.

Segundo Kathy Koestner, vice-presidente de segurança da informação, a Internet surgiu como um dos instrumentos mais utilizados em fraudes online. Os hackers desenvolvem cada vez mais técnicas sofisticadas de hacking. Uma vez que todas as informações pessoais fornecidas online podem ser utilizadas pelos criminosos para cometerem fraudes, é crucial que os consumidores apenas façam transações financeiras utilizando redes sem fios seguras e de confiança.

Portanto, listamos a seguir algumas recomendações para tentar evitar ser mais uma vítima de fraudes e golpes na internet, protegendo os seus dados pessoais e as suas informações bancárias dos hackers.

 

1 – Utilize sempre passwords complexas

Utilize passwords complexas e que sejam suficientemente fortes para proteger as suas contas bancárias, correio eletrónico e redes sociais. Nunca utilize uma password que contenha o seu nome, data de nascimento, nome de utilizador, endereço eletrónico, ou qualquer outra informação que possa ser facilmente descoberta pelo público em geral.

Certifique-se que utiliza uma password suficientemente comprida contendo pelos menos oito caracteres. Também deve utilizar passwords diferentes para cada uma das suas contas online, nunca utilize a mesma password para todos os seus serviços na Internet. Se alguém descobrir a palavra-passe de uma das suas contas, as outras não ficarão comprometidas.

 

10 Conselhos importantes para evitar burlas online 1

 

2 – Evite fornecer os seus dados

Nunca dê as suas informações pessoais ou financeiras a terceiros. Mesmo se receber uma chamada de alguém que lhe quer oferecer um prémio em troca de lhe dar as suas informações pessoais. Muito menos dê o seu dinheiro a alguém que não tem a certeza da idoneidade nem dê as suas informações pessoais por telefone. Tenha em mente que os funcionários bancários ou representantes de outras instituições financeiras nunca lhe irão telefonar a pedir esse tipo de informações tão sensíveis.

Uma das boas formas de se proteger destes ataques é bloqueando as chamadas e as mensagens de texto de marketing. Ou seja, devemos tomar medidas para conseguirmos evitar receber mensagens indesejáveis e proibir a receção de chamadas inúteis.

Para isso, evite ao máximo divulgar os seus contactos. Se tiver mesmo de ser então certifique-se que só são utilizados para aquilo que autorizou. Lembre-se que as empresas legítimas não precisam de o contactar para conseguirem os seus dados como o Nº da Segurança Social, da conta bancária e muito menos do cartão de crédito.

 

3 – Não clique em links desconhecidos

Evite clicar em links estranhos que recebeu por email, mensagem SMS, ou pelas redes sociais. Os criminosos podem utilizar estes canais para nos enganarem e induzirem a divulgarmos as nossas informações pessoais. Ou seja, podem tentar obter as nossas passwords, informações de contas online, ou credenciais de autenticação. Se conseguirem esses dados depois podem utilizá-los para acederem ao nosso banco, e-mail, e a outras contas que utilizamos na internet.

Basicamente deve evitar clicar em qualquer link, mesmo que receba um e-mail ou mensagem de texto de uma empresa com a qual tem negócios e pareça autêntica. Em vez disso, entre em contacto com essa entidade através de um site de confiança ou pelo seu contacto telefónico. Não utilize os números de telefone nem os links que lhe foram enviados na mensagem que acabou de receber, procure os verdadeiros contactos no site oficial da empresa.

 

4 – Instale e atualize o Antivírus

Instale programas de segurança antivírus que sejam fiáveis tanto no seu computador como no seu telemóvel. No Informatico.pt recomendamos que utilize sempre programas antivírus licenciados para proteger os seus equipamentos e os seus dados contra malware.

Isto porque é possível que o software antivírus obtido ilegalmente não o consiga proteger totalmente contra os perigos mais recentes. Se gosta de fazer apostas online, então opte apenas por sites seguros, como a 22Bet, porque só assim é que terá a certeza que os seus dados estarão completamente seguros.

 

10 Conselhos importantes para evitar burlas online 2

 

5 – Esteja atento aos Pop-ups

mantenha-se sempre atento a qualquer aumento estranho de anúncios pop-up que lhe aprecem tanto no seu computador como no seu telemóvel. Lembre-se que isso pode ser um sintoma de que o seu equipamento está infetado com algum tipo de malware. Basicamente, os pop-ups são janelas que aparecem por cima das páginas dos websites para darem aos utilizadores informações ou orientações extras. No entanto, alguns desses pop-ups podem ser indesejados e prejudiciais para a nossa segurança.

Ou seja, podem ser instalados por hackers que utilizem malware ou adware para infetarem o seu equipamento, tornando-o mais lento. A única forma de se prevenir desta ameaça é nunca clicar, em circunstância alguma, em pop-ups que lhe aparecem em websites sobretudo naqueles de origem mais duvidosa.

 

6 – Tenha cuidados com os QR Codes

Não confie e digitalize códigos QR que lhe pretendem o envio de dinheiro ou a reclamação de algum tipo de prémio de um concurso que não se lembra de ter participado. Quando utiliza esses códigos QR normalmente abre-se uma página a pedir-lhe para iniciar sessão num site conhecido ou então uma pagina que lhe pede informações pessoais. Os dados roubados recorrendo a códigos QR podem ser informações privadas, incluindo as suas credenciais de acesso às suas contas online.

Os “QR codes Phishing” dirigem-se normalmente a pessoas que utilizam websites mostrando-lhes páginas clonadas que parecem muito respeitáveis e iguais às originais. À semelhança dos ataques de phishing tradicionais, os códigos QR também utilizam frequentemente empresas importantes, como bancos e outras instituições financeiras.

 

7 – Não partilhe dados nas redes sociais

Partilhe apenas as informações pessoais indispensáveis para poder utilizar as redes sociais e esteja sempre atento às suas definições de privacidade. Verifique sempre as configurações padrão de privacidade antes de partilhar qualquer coisa numa rede social. As configurações de privacidade predefinidas em muitas plataformas de redes sociais são normalmente desfavoráveis à nossa privacidade e podem permitir a partilha da nossa informação com uma grande comunidade online.

Por isso, as configurações de uma plataforma de redes sociais devem ser sempre revistas e ajustadas antes de publicarmos qualquer tipo conteúdo online. Lembre-se sempre que depois de publicar alguma coisa online já não há forma de o retirar da internet. Infelizmente, tanto nas redes sociais como em outros sites online nunca sabemos onde irão parar os nossos dados pessoais ou nas nossas fotografias, por isso, recomendamos sempre que evite partilhar online seja o que for da sua vida.

Os perfis das redes sociais podem ser utilizados pelos hackers para descobrir as suas palavras-passe e as respostas às perguntas de segurança nas ferramentas de recuperação de passwords. Por isso, não partilhe informações online como o nome de solteira da sua mãe, o seu aniversário, ou a sua morada. Em vez disso, verifique sempre as definições de privacidade da rede social.

 

10 Conselhos importantes para evitar burlas online 3

 

8 – Informe o seu banco e a polícia

Se for vítima de um crime cibernético, informe imediatamente o site do qual forneceu os seus dados de acesso como, por exemplo, o seu banco. Depois disso deve contactar a polícia especializada em crimes cibernéticos e pedir a sua ajuda utilizando, por exemplo, a linha de apoio que existe para este tipo de crimes.

Para registar o seu pedido de ajuda, o agente da polícia ir+a pedir algumas informações biográficas básicas sobre si e os detalhes sobre a fraude da qual foi vítima. A polícia irá depois alertar os bancos, os sites, ou os comerciantes afetados para tomarem as medidas necessárias para que os criminosos não consigam atacar outras vítimas. A UNC3T é a unidade operacional especializada que dá resposta preventiva e repressiva ao fenómeno do cibercrime. Compete-lhe tomar medidas relacionadas com prevenção, deteção e investigação de crimes informáticos.

 

9 – Desconfie dos alertas de segurança

Esta fraude aproveita-se das preocupações das pessoas para as conseguir enganar. Uma falsa mensagem pop-up que alerta o utilizador para um vírus que infetou o seu equipamento e que, para resolver esse problema, terá de descarregar imediatamente um software de segurança.

Os criminosos conseguem com esta fraude obter ganhos financeiros enganando a vítima com a compra de software supostamente de segurança, mas que na realidade é malicioso. Por vezes, o suposto software de segurança é oferecido gratuitamente, o que aumenta a probabilidade de a vítima o descarregar e instalar.

Uma vez instalado, o programa tem o controlo do equipamento da vítima, permitindo-lhe causar estragos ou aceder aos seus dados pessoais. Mesmo os utilizadores mais experientes da Internet podem cair neste tipo de fraude. Basicamente isso acontece porque muitas destas falsas mensagens pop-ups são muito parecidas com os alertas genuínos do Windows ou de respeitadas empresas de segurança informática.

Uma das melhores formas de se conseguir proteger deste tipo de fraudes é manter sempre os seus equipamentos seguros com as atualizações de segurança em dia e um software antimalware instalado e atualizado. Se tiver dúvidas se o seu equipamento está ou não completamente seguro peça por ajuda a um informático de confiança para depois não ter de remediar o que podia ter prevenido.

 

10 Conselhos importantes para evitar burlas online 4

 

10 – Desconfie dos sites de encontros online

Infelizmente, os criminosos, ou neste caso, os vigaristas românticos, também utilizam os sites de encontros online para abordarem as suas vítimas. Os sites de namoro podem ser fantásticos para conhecer novas pessoas, mas nunca se sabe por quem são frequentados. Por exemplo, o FBI reportou que em comparação com outras crimes online, as “fraudes românticas” causam em média mundialmente a cada vítima um prejuízo de cerca de 100.000 euros.

Apesar deste tipo de fraude poder assumir várias formas, normalmente começa com um vigarista que cria um alegado romance na Internet com a sua vítima. Assim que a vítima confiar nesse vigarista, ele começa a exigir alguns pagamentos. Normalmente para os conseguirem, inventam problemas pessoais urgentes ou então pedem dinheiro para conseguirem encontrar-se com a vítima.

Ao utilizar serviços de encontros online, os utilizadores, especialmente os mais velhos, devem ser o mais cautelosos possível, porque alguns “criminosos românticos” focam-se sobretudo nesse tipo de vítimas. Além disso, normalmente as mulheres cedem mais facilmente que os homens a este tipo de fraudes que recorrem à vitimização do burlão.

No entanto, não importa qual é a sua idade ou o seu sexo, aceite os nossos conselhos sobre estes sites de encontros online porque muitas vezes os seus utilizadores não são 100% confiáveis. Mantenha-se em segurança estando informado de forma a conseguir detetar uma fraude e assim reduzir a probabilidade de ser enganado. Além de banir qualquer pessoa que perceba que o tenta enganar, deve também denunciá-la ao site de encontros.

YouTube video

Conclusões

Evite tomar decisões precipitadas mesmo que insistam para o fazer. Lembre-se que as empresas genuínas dão-nos sempre algum tempo para refletirmos sobre as coisas. Os vigaristas normalmente exigem rapidamente dinheiro ou informações pessoais porque senão irá acontecer alguma coisa má.

Infelizmente os vigaristas estão cada vez mais sofisticados e utilizam os mais variados truques para conseguirem o seu dinheiro ou os seus dados pessoais. O mais sensato é nunca enviar dinheiro a ninguém, sobretudo quando lhe exige a utilização de um cartão ou de um serviço de transferência de dinheiro como o MBWay.

Outra coisa que pode e deve fazer antes de pagar ou dar os seus dados a alguém que não conhece é falar com uma pessoa de confiança. Antes de tomar uma decisão pode, por exemplo, falar com um amigo, um membro da família ou um vizinho e explicar o que lhe está a acontecer. Talvez seja suficiente para conseguir reconhecer que de facto se trata de uma fraude.

Finalmente, certifique-se que a sua ligação à Internet é completamente segura. Para isso deve sempre proteger a sua rede Wifi doméstica com uma password segura. Tenha cuidado com os dados que envia quando está ligado a uma rede WiFi pública.

 

Tabela de conteúdo

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

ARTIGOS RELACIONADOS:

COMENTÁRIOS E OPINIÕES:

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

×